Anistia da Afeam beneficia trabalhadores afetados pela cheia, explica Adjuto Afonso


Aprovado nesta quarta-feira, 22, na Casa Legislativa, a Mensagem Governamental que concede anistia e renegociação de dívidas de financiamentos feitos pela Agência de Fomento do Amazonas (Afeam), por produtores rurais, micro e pequenos empresários e profissionais autônomos de baixa renda. O relator da matéria, deputado Adjuto Afonso (União Brasil), encaminhou o texto com parecer favorável e pediu o apoio dos colegas na aprovação do projeto, o que se confirmou durante a votação.

“Falei sobre a importância da aprovação desta matéria para os produtores e outros trabalhadores que sofreram com a cheia dos rios. Essas pessoas precisam ficar adimplentes novamente para continuarem seus negócios, conseguir recursos, investir e recuperar o prejuízo. Muitos desses produtores fornecem até para todo o estado e se não tiverem essa anistia ou se não puderem renegociar suas dívidas, quebra a cadeia. Como relator, defendi e dei parecer favorável ao texto, porque sei da importância desta iniciativa do governador Wilson Lima (União Brasil) para o homem do interior”, disse o parlamentar.

No início de maio, o deputado Adjuto Afonso enviou um Requerimento de Indicação ao Governo do Estado, solicitando a Concessão de Anistia Total ou Parcial das dívidas de Custeio e Investimento aos Empreendedores dos municípios amazonenses, que decretaram Situação de Emergência ou Estado de Calamidade Pública em razão das enchentes dos rios, os quais tiveram as atividades afetadas e ficaram impossibilitados de pagar os financiamentos concedidos através da Afeam. “Como um homem do interior, agradeço a sensibilidade do governador com essa situação, pois tenho total conhecimento do prejuízo causado pela cheia”.

Foto: Ney Xavier

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *