Cinegrafista do Grupo Diário do Amazonas é baleado durante assalto na manhã desta quinta-feira (15) em Manaus

 O repórter cinematográfico do Grupo TV Diário/Record News, Renê Silva dos Santos, de 45 anos, foi baleado duas vezes durante um assalto a equipe de reportagem do Grupo Diário do Amazonas, na manhã desta quinta-feira (15), em Manaus.

Renê foi atingido com um tiro no torax e um na mão e foi atendido e submetido a cirurgia no hospital João Lúcio.

O assalto, segundo informações da repórter Natasha Pinto, ocorreu quando ela e Renê fazia reportagem sobre uma tentativa de homicídio ocorrida na noite anterior na Avenida São Francisco, no bairro Coroado, Zona Leste.

Após roubarem os celulares da repórter e do cinegrafistas, dois assaltantes fugiram em uma moto vermelha, mas foram avistados por Renê que jogou o carro da reportagem contra a moto dos bandidos na Alameda Cosme Ferreira.

Em seguida houve luta corporal e Renê acabou baleado duas vezes.

Mesmo frido, Renê conseguiu dirigir até o Hospital onde recebeu atendimento e foi submetido a cirurgia. O quadro dele é estável.

Equipes de Policiais estão na ocorrência tentando identificar e prender a dupla de suspeitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *