Presidente da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas, morre por complicações do Covid-19

A diretora-presidente da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), Rosemary Pinto, faleceu na tarde desta sexta-feira (22) por complicações da Covid-19.

A diretora este na linha de frente no combate ao Covid-19 desde o ínício da pandemia. Rosemary foi diagnosticada com Covid no dia 7 de janeiro. De acordo com assessoria do orgão a diretora estava em isolamento social e em tratamento domiciliar.

Rosemary era farmacêutica bioquímica, epidemiologista de carreira da FVS e atuava há 25 anos na área. Em nota de falecimento, o governo afirmou que, durante toda a pandemia, ela “foi uma das bússolas do Amazonas na interpretação dos dados da pandemia no Estado”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *