Semana da Enfermagem discute os desafios da saúde para a prática da equidade

A ‘equidade’, um princípio que representa a justiça social, será a premissa que guiará as discussões na Semana da Enfermagem de 2022 no Centro de Ensino Técnico (Centec). O evento acontece entre os dias 16 e 20 de maio e, neste ano, é marcado pelo anúncio de uma parceria entre a escola e o Conselho Regional de Enfermagem (Coren-AM) para uma série de novidades.
Com o tema “Os Desafios da Saúde para a Prática com Equidade”, os organizadores do evento esperam destacar o papel dos técnicos de enfermagem e enfermeiros, que precisam lidar diariamente com as desigualdades sociais que ocorrem também nos espaços de atendimento à saúde. As atividades serão gratuitas e abertas para o público externo.
“Vamos ressaltar a importância de valorizar os profissionais de saúde que estão na linha de frente dos atendimentos. Por isso, um dos destaques deste ano é uma intervenção, com faixas e panfletos informativos, num dos semáforos da avenida Djalma Batista”, explica o coordenador do evento, professor Giovani Caldas.
A abertura do evento acontece no dia 16, às 10h, e contará com a participação do professor de Enfermagem e pró-reitor de Ensino de Graduação da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), David Lopes Neto. A palestra será no auditório do Centec, localizado na avenida Djalma Batista, 646, bairro São Geraldo. Outra presença importante será a do presidente do Coren-AM, enfermeiro Sandro André da Silva Pinto.

Valorização
Ao longo da semana, os estudantes do curso técnico em enfermagem irão participar de uma série de palestras com abordagens sobre valorização profissional; humanização e saúde mental; aprendizados da enfermagem na pandemia; e assistência de enfermagem em diferentes contextos.
“Vamos ter uma exposição de suporte básico à vida e um workshop de biossegurança em centro cirúrgico no nosso laboratório, algo muito importante para evitar infecções hospitalares. Além disso, estamos dando muito destaque para a saúde mental dos profissionais, por isso teremos uma live e uma sala temática sobre o tema”, destaca o educador.
A saúde mental dos técnicos e auxiliares em enfermagem foi alvo de um estudo divulgado em fevereiro pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A pesquisa focou nos impactos da pandemia na vida desses profissionais e apontou que 80% dos participantes vivem em situação de desgaste profissional relacionado ao estresse psicológico. Uma das razões para esse sentimento é justamente a falta de valorização profissional.
A live que abordará o tema saúde mental acontecerá no dia 18, às 19h, no Instagram oficial da escola (@centecam). Segundo o organizador do encontro, professor Joaquim Rodrigues, haverá psicólogos convidados. “Além da saúde mental dos profissionais de enfermagem, iremos abordar também temáticas como psicopatias e enfermagem psiquiátrica. A participação dos psicólogos deve mostrar a importância de se ter uma equipe multidisciplinar [em atendimentos de saúde]”, explica ele.

Parceria
Outra novidade deste ano é a parceria entre o Centec e o Conselho Regional de Enfermagem do Amazonas (Coren-AM). Por um termo de cooperação técnica, a escola irá ceder um estúdio para permitir que o Conselho grave videoaulas sobre temas essenciais da profissão. O lançamento oficial da parceria vai ocorrer durante a Semana de Enfermagem, quando serão apresentados os primeiros vídeos.
“Através desta parceria poderemos fazer com que nossas capacitações possam chegar, em videoaulas, a centenas de profissionais que estão espalhados pelos 62 municípios do nosso Estado”, comenta o enfermeiro Sandro André, presidente do Coren-AM.
Foto: Freepik

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *